Portal Institucional da Câmara Municipal de Gondomar

INOVA!

Está aberto o INOVA! – Concurso de Ideias 2013/14, que visa estimular os jovens a desenvolverem ideias criativas que constituam uma solução para qualquer necessidade ou problema e que possam traduzir-se em projetos inovadores nas mais variadas áreas: científica e tecnológica, empresarial, social, ambiental, entre outras.

Apresentação
O INOVA - Jovens Criativos, Empreendedores para o Século XXI, Concurso de Ideias, pretende:
• Desenvolver um ambiente propício à inovação e à criatividade;
• Fomentar, nos jovens, a capacidade analítica e o espírito crítico em contexto de deteção de oportunidades de negócio;
• Incentivar os jovens para a assunção do risco;
• Proporcionar a experiência de participação numa competição;
• Premiar e divulgar as ideias mais inovadoras.

O que é o INOVA! e quem pode concorrer?
O INOVA! é um concurso de ideias, que visa estimular o empreendedorismo e a cultura empreendedora nas escolas nacionais.
Alargado pela primeira vez este ano ao 1.º ciclo do ensino básico, o concurso é dirigido a jovens que frequentem quaisquer dos ciclos do ensino básico e o ensino secundário, em escolas públicas, privadas, ou através de centros de formação, localizados em território nacional.
Os alunos podem concorrer em equipa, devendo sempre ser acompanhados por um professor ou formador. Não existe número máximo de elementos por equipa, mas, para facilitar a apresentação e defesa dos projetos, devem ser identificados, no máximo, três representantes por equipa: dois alunos e um professor.

Com que tipo de projetos se pode participar?
O objetivo é estimular os jovens a desenvolverem ideias criativas que constituam uma solução para qualquer necessidade ou problema e que possam traduzir-se em projetos inovadores nas mais variadas áreas: científica e tecnológica, empresarial, social, ambiental, entre outras.

Prémios INOVA! 2013/14
Prémio INOVA Atitude, exclusivo para equipas do 1.º e 2.º ciclos do ensino básico. Valoriza-se a melhor solução para um problema da escola, identificado pelos alunos, e que revele uma atitude empreendedora.
Prémio INOVA Criatividade, destinado a equipas do 1.º e 2.º ciclos do ensino básico, e 3º ciclo do ensino básico e secundário. Valoriza-se o projeto mais criativo ao nível de novas ideias, novas soluções ou novas maneiras de combinar recursos.
Prémio INOVA Social, destinado a equipas do 1.º e 2.º ciclos do ensino básico, e 3º ciclo do ensino básico e secundário. Valoriza-se a elaboração de uma resposta inovadora a uma necessidade identificada, com valor e impacto social, e potencialmente sustentável.
Prémio INOVA Negócio, exclusivo para equipas do 3.º ciclo do ensino básico e ensino secundário. Valoriza-se o melhor projecto de inovação, que se traduza num negócio economicamente viável.
Prémio INOVA 2014, para melhor projecto nacional. Será eleito a partir dos projetos premiados nas várias categorias pelas equipas finalistas presentes na Final Nacional do concurso.

Que critérios são valorizados na avaliação das candidaturas?
Inovação e Criatividade (novas metodologias/processos/procedimentos e produtos; elemento diferenciador face ao mercado, originalidade das ideias; capacidade imaginativa);
Viabilidade (potencial de execução/concretização da ideia);
Envolvimento da comunidade (mobilização e envolvimento da comunidade - escolar/autarquia/ outras entidades locais/ regionais/nacionais);
Planeamento e organização (fases da projeto, funções de cada elemento da equipa, dinâmicas de trabalho cooperativo, mobilização de recursos humanos e materiais);
Potencial do impacto social (grau de relevância na construção e desenvolvimento de soluções inovadoras para as necessidades identificadas; identificação das consequências decorrentes da potencial implementação do projeto, efeitos esperados face ao público-alvo);
Potencial do impacto económico (validade do modelo de negócio; resultado potencial da implementação do negócio em termos de valor local - escola, rua/bairro, cidade/região -, de vendas a realizar e de emprego a criar; efeitos positivos no contexto do negócio);
Comunicação (originalidade, capacidade de síntese, expressão e argumentação na apresentação presencial).

Como se processa o concurso?
O concurso INOVA! integra as seguintes fases:
1 – Formação de equipas e identificação dos projetos e das categorias de Prémios a que se candidatam. Cada equipa só pode concorrer com um projeto.
2 – Elaboração da proposta e formalização da candidatura, através do preenchimento de formulário próprio disponível para download, até ao dia 3 de março de 2014.
3 – Análise e avaliação das candidaturas pelo júri regional, com seleção dos projetos que em cada região passarão à próxima eliminatória do concurso – a Final Nacional.
4 – Final Nacional, com avaliação dos projetos finalistas apurados nas eliminatórias regionais do Concurso e seleção dos vencedores pelo júri nacional. Este ano, e pela primeira vez, o Prémio INOVA! 2014, a atribuir ao melhor projeto nacional, será selecionado pelo conjunto das equipas finalistas, a partir do grupo de vencedores nas várias categorias.

As escolas podem participar ao Prémio INOVA! Escola
Em paralelo, as Escolas podem ainda candidatar-se ao Prémio INOVA! Escola, uma distinção a atribuir à instituição que evidenciar maior dinamismo na promoção de uma cultura empreendedora.
Esta candidatura é também uma novidade na edição deste ano do INOVA! e deve formalizar-se igualmente através de um formulário especialmente disponibilizado para o efeito.

Como se formalizam as candidaturas?
As candidaturas ao Concurso de Ideias INOVA!, bem como ao Prémio INOVA Escola, devem ser efetuadas através do preenchimento de formulário próprio, disponível para download, e enviadas, até ao dia 3 de março de 2014, para os seguintes serviços regionais da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares, de acordo com a região de origem:
NUT II Norte: jose.silva@dgeste.mec.pt
NUT II Centro: helena.cardoso@dgeste.mec.pt
NUT II Lisboa e Vale do Tejo: emnop@dgeste.mec.pt
NUT II Alentejo: miguel.nazareth@dgeste.mec.pt
NUT II Algarve: laureta.basto@dgeste.mec.pt

Qual o calendário de implementação?
Candidaturas: até 3 de março de 2014.
Finais regionais: entre 22 e 28 de abril de 2014.
Final Nacional: 6 de junho de 2014.
Contacto para esclarecimento de dúvidas: Casas da Juventude de Rio Tinto e de Gondomar.

Instituto Português do Desporto e da Juventude

Listagem de documentos
Ao visitar este website, está a consentir a utilização de cookies.