Portal Institucional da Câmara Municipal de Gondomar

Saneamento chega à Belavista
publicado a 6 de dezembro de 2018

 “40 anos depois o saneamento vai chegar à Belavista”, afirmou Marco Martins, Presidente da Câmara de Gondomar, durante a apresentação do lançamento da obra de fecho do sistema de águas residuais do rio Ferreira - subsistema da encosta da Belavista, que se realizou hoje em São Pedro da Cova.

"Esta é a zona mais degradada de Gondomar, no que diz respeito à malha urbana e esta é uma obra há muito desejada pela população, que vai beneficiar mais de 500 casas, logo centenas de famílias. É um trabalho que se iniciou há dois anos e meio e, finalmente, depois de concurso e de aguardar pelo Tribunal de Contas, vamos arrancar com uma obra tão importante", explicou Marco Martins antes de deixar um desejo. “Esperamos poder dar uma prenda de Natal em 2019 a todos estes gondomarenses”, referindo-se à previsão de conclusão da obra no prazo de um ano.

Anteriormente, o Presidente da União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova, Pedro Vieira, tinha já referido a importância da obra, desejando apenas que os transtornos para a população, naturais numa obra desta envergadura, possam ser minimizados.

A operação vai permitir a instalação, em mais de 500 habitações, de uma rede de recolha de águas residuais, cujo destino final será a ETAR do Rio Ferreira onde os respetivos afluentes receberão o tratamento adequado.

A construção desta rede vai permitir o tratamento adequado dos resíduos, diminuindo o nível de contaminação das águas superficiais e subterrâneas, melhorando não só o nível de qualidade de vida, como também o valor patrimonial das habitações até aqui não dotadas desta infraestrutura.

O projeto encontra-se enquadrado no Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR),correspondendo a um investimento total de 2,1 milhões de euros, dos quais 856 mil euros serão comparticipados.

Ao visitar este website, está a consentir a utilização de cookies.